Show simple item record

dc.contributor.authorRodrigues, Tatiane Cosentino
dc.contributor.authorAbramowicz, Anete
dc.date.accessioned2013-07-15T20:33:52Z
dc.date.available2013-07-15T20:33:52Z
dc.date.issued2013
dc.identifier.citationRODRIGUES, Tatiane Cosentino and ABRAMOWICZ, Anete. O debate contemporâneo sobre a diversidade e a diferença nas políticas e pesquisas em educação. Educ. Pesqui. [online]. 2013, vol.39, n.1 [cited 2013-07-15], pp. 15-30 . Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-97022013000100002&lng=en&nrm=iso>. ISSN 1517-9702. http://dx.doi.org/10.1590/S1517-97022013000100002.es_ES
dc.identifier.issn1517-9702
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/123456789/1306
dc.description.abstractO artigo proposto tem por objetivo analisar a maneira pela qual os conceitos de diferença e diversidade têm sido utilizados no debate contemporâneo brasileiro em educação e nas políticas públicas da área. Procuramos identificar as condições teóricas, as práticas e as políticas que possibilitaram a ascensão do conceito de diversidade. Acionado como slogan do primeiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sobretudo no que diz respeito à educação, o tema da diversidade passou por diferentes processos de apropriação nas políticas públicas. Para avaliar tais políticas, utilizamos como fontes primárias de pesquisa documentos oficiais como: o Balanço de Governo 2003-2010; o Plano Plurianual 2004-2007; as leis orçamentárias do período 2003-2006; e os relatórios de gestão do governo federal. Mostramos também, de maneira sintética, como vem sendo realizado, na educação, o debate sobre a diferença e a diversidade, com o objetivo de compreender as distinções entre as propostas pedagógicas denominadas multiculturalismo, interculturalismo e pluralismo cultural. Para tanto, realizamos um levantamento de artigos publicados em periódicos entre os anos 1990 e 2007. O levantamento indicou que essas ações estavam concentradas nos Ministérios da Cultura, da Saúde e, principalmente, da Educação, o que reafirma a centralidade da educação como processo e da escola como instituição social no enquadramento e/ou na mediação dos dilemas expostos à sociedade brasileira neste início de século. Em suma, fizemos um esforço de análise das várias vertentes teóricas e práticas que debatem e disputam os conceitos de diversidade e diferença na área da educação.es_ES
dc.language.isootheres_ES
dc.publisherUniversidade de São Pauloes_ES
dc.subjectPolítica educativaes_ES
dc.subjectRelación étnico-raciales_ES
dc.subjectDiversidad culturales_ES
dc.titleO debate contemporâneo sobre a diversidade e a diferença nas políticas e pesquisas em educaçãoes_ES
dc.typeArticlees_ES


Files in this item

Thumbnail

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record